Daily Archives: dezembro 19th, 2008

POETAS DO PARANÁ – Manoel de Andrade

Um homem no cais Manoel de Andrade   Que saldo trago da vida?! da existência escassa e vadia que vivi?! que emoções puderam transfigurar meu coração de marinheiro e desviar meus passos do caminho do cais?! eu, que tornei meu corpo ambulante a vagar de porto em porto em busca de um navio! em busca […]

POETAS DAS ALAGOAS – José Alberto Costa

Silêncio José Alberto Costa     Na quietude outonal do meu claustro interior o silêncio ecoa no mármore secular de colunas imaginárias, enchendo minh’alma de doçura infinita, trazendo a paz sempre aguardada . Ando sob a luz do sol, sem perturbar o sublime momento reflexão/ternura. Palavras ditas com o coração também ecoam no meu silêncio […]